MENU

17/05/2017

Álbum de fotos

Boa Vista - Roraima RR - Brasil

Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo


Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo
Boa Vista - Roraima RR - Brasil - Viagem Volta ao Mundo - Just Go #JustGo









Boa Vista


Boa Vista é um município brasileiro e capital do estado de Roraima, Região Norte do país. Concentrando cerca de dois terços dos habitantes do estado, situa-se na margem direita do rio Branco. Sua população, de acordo com estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), era de 326 414 habitantes em 2016. É sede da Região Metropolitana de Boa Vista, além de ser a capital estadual mais setentrional do Brasil e a única localizada totalmente ao norte da linha do Equador e a mais distante de Brasília, capital federal.
Moderna, Boa Vista se destaca pelo traçado urbano organizado de forma radial, planejado no período entre 1944 e 1946 pelo engenheiro civil Darcy Aleixo Derenusson, lembrando um leque, em alusão ao traçado de Goiânia. Foi construída no governo do capitão Ene Garcez, o primeiro governador do então Território Federal do Rio Branco. As principais avenidas do Centro da cidade convergem para a Praça do Centro Cívico Joaquim Nabuco, onde se concentram as sedes dos poderes executivo, legislativo e judiciário estaduais, além de pontos culturais (teatros e palácios), hotéis, bancos, correios e catedral diocesana.




Roraima RR


Roraima é uma das 27 unidades federativas do Brasil. Está situado na Região Norte do país, sendo o estado mais setentrional (ao norte) da federação. Tem por limites a Venezuela, ao norte [1] e noroeste; Guiana, ao leste; Pará, ao sudeste; e Amazonas, ao sul e oeste. Ocupa uma área aproximada de 224.300,506 mil km², pouco maior que a Bielorrússia, sendo o décimo quarto maior estado brasileiro. Em Boa Vista, única capital brasileira totalmente no Hemisfério Norte, encontra-se a sede do governo estadual, atualmente presidido por Suely Campos.
A história roraimense está fortemente ligada ao Rio Branco. Foi através deste rio que chegaram os primeiros colonizadores portugueses. O Vale do rio Branco sempre foi cobiçado por ingleses e neerlandeses, que adentraram no Brasil através do Planalto das Guianas em busca de índios para serem escravizados. Pelo território da Venezuela, os espanhóis também chegaram a invadir a parte norte do rio Branco e no rio Uraricoera. Os portugueses derrotaram e expulsaram todos os invasores e estabeleceram a soberania de Portugal sobre a região de Roraima e de parte do Amazonas.
O estado é o menos populoso do país, com uma população de 514 229 habitantes, segundo estimativas de 2016 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É, também, o que apresenta a menor densidade demográfica na federação, com 2,25 hab/km². Sua economia, baseada principalmente no setor terciário, registra uma alta taxa de crescimento, embora seu Produto interno bruto (PIB) seja o menor do país, com seus R$ 9,027 bilhões, representando 0,15% da economia brasileira.
Situado numa região periférica da Amazônia Legal, no noroeste da Região Norte do Brasil, predomina em Roraima a floresta amazônica, havendo ainda uma enorme faixa de savana no centro-leste.[9] Encravado no Planalto das Guianas, uma parte ao sul pertence à Planície Amazônica.[10] Seu ponto culminante, o Monte Roraima, empresta-lhe o nome. Etimologicamente resultado de contração de roro (verde) e imã (serra ou monte), foi batizado por indígenas pemons da Venezuela




15 CURIOSIDADES INTERESSANTÍSSIMAS SOBRE O ESTADO DE RORAIMA


Com uma população de pouco mais de 500 mil pessoas, Roraima é o estado menos populoso do Brasil. É também o que apresenta a menor densidade demográfica de todo o país.
O Produto Interno Bruto de Roraima é o mais baixo entre as 27 unidades federativas, representando apenas 0,15% do PIB nacional. Boa parte da atividade econômica concentra-se no setor de serviços.
A atividade turística é uma das mais fortes, concentrando-se principalmente no interior do estado. Roraima é procurado basicamente para a prática de ecoturismo.
Uma das maiores atrações turísticas do estado é o Monte Roraima, na fronteira com a Venezuela e Guiana. Com cerca de 1 000 metros de altitude, ele possui fauna e flora únicas, com boa parte dos animais e plantas ainda desconhecidos da ciência.
O Monte Roraima costuma ser procurado por adeptos do ecoturismo, sobretudo praticantes de trekking. Sua formação geológica singular e ecossistema único inspiraram Arthur Conan Doyle a escrever o livro O Mundo Perdido. Também serviu de inspiração para os roteiristas do desenho animado Up – Altas Aventuras, da produtora Pixar.
Grande parcela da população é constituída de descendentes de nordestinos – cearenses, piauienses, maranhenses etc. Por conta disso, a cultura nordestina têm uma forte presença no estado.
As cinco mais importantes cidades do estado são: Boa Vista, Rorainópolis, Caracaraí, Alto Alegre e Mucajaí.
Boa Vista é a única capital brasileira totalmente no hemisfério norte. É também a mais distante de Brasília.
A população de Boa Vista em 2 014 era de aproximadamente 320 mil pessoas. O detalhe é que, sozinha, ela concentra 63% de todos os habitantes do estado.
Boa Vista surgiu a partir de um aglomerado em torno de uma fazenda de criação de gado. Batizada de Boa Vista do Rio Branco, foi elevada à categoria de cidade em 1 890, época em que pertencia ao estado do Amazonas.
Por viver numa cidade no interior de um estado sem litoral, os habitantes de Boa Vista desconhecem o mar, certo? Errado. Eles conseguem visitar com facilidade paraísos que a maioria dos brasileiros jamais sonharia, como a venezuelana Isla Margarita. Basta comprar uma passagem de ônibus no terminal rodoviário de Boa Vista para em pouco mais de 20 horas conhecer as maravilhas do Caribe.
A vegetação é bastante variada, predominando as florestas fechadas no sul e as savanas no centro. O detalhe é que quanto mais se avança para o norte, menos densa se torna a vegetação.
Um dos símbolos do estado é o cavalo selvagem, também chamado “cavalo lavradeiro”. Introduzidos pelo homem, eles acabaram se adaptando às condições da região. São vistos em bandos com até 12 indivíduos e raramente passam de 1,5 metro de altura.
Afinal, como se pronuncia o nome do estado: Rorãima ou Roráima? Segundo alguns estudiosos da língua portuguesa, tanto faz. Ambas estão certas.