MENU

PDF Domínio Público

Guerra dos mascates - José de Alencar

Descrição do livro

Guerra dos Mascates é um romance de cunho histórico em que é narrado o conflito entre os senhores de engenho de Olinda e os comerciantes de Recife, que eram pejorativamente chamados de mascates e formados, na maioria, por portugueses. Este romance de Alencar, talvez por pertencer à fase regionalista do autor, tem um caráter mais histórico do que romântico.

Embora sejam ressaltados traços heróicos dos personagens, marcas que caracterizam as narrativas dos romances pertencentes à Escola Literária Romântica, em Guerra dos Mascates tem-se como pano de fundo o conflito em si, as marcas de uma época e a eterna luta de classes em que um grupo tenta livrar-se do domínio do outro.

Guerra dos mascates - José de Alencar

Essa obra e vários outros livros estão online nesse site divididos em capítulos para facilitar a leitura em Tablets e Celulares, bastando adicionar nos favoritos o último capítulo lido. Clique Aqui!

Sobre o Autor:

José Martiniano de Alencar (1829—1877) foi um escritor e político brasileiro. É notado como escritor, sendo fundador do romance de temática nacional, por sua tenaz defesa da escravidão no Brasil, e por ter sido Ministro da Justiça do Brasil. Filho ilegítimo do padre e mais tarde senador José Martiniano Pereira de Alencar e de sua prima D. Ana Josefina de Alencar, era irmão do barão de Alencar, sobrinho de Tristão Gonçalves, neto de Bárbara de Alencar e primo em segundo grau do barão de Exu. Formou-se em Direito, iniciando-se na atividade literária no Correio Mercantil e no Diário do Rio de Janeiro. Casou-se com Georgiana Augusta Cochrane (1846-1913), sendo pai do embaixador Augusto Cochrane de Alencar.