Mesorregiões de Assis, Itapetininga e Macrometropolitana Paulista



Abaixo algumas características das três mesorregiões: Assis, Itapetininga e Macrometropolitana Paulista



Mesorregião de Assis



Esta mesorregião é constituída por 35 municípios agrupados nas microrregiões de Assis e Ourinhos. A sua ocupação e povoamento iniciou-se com a chegada dos primeiros sertanistas desbravadores mineiros e o desenvolvimento foi impulsionado com a chegada da ferrovia Estrada de Ferro Sorocabana.

Na economia tem destaque a pecuária de corte, e na agricultura as culturas de cana-de-açúcar, milho e soja.


Mesorregião de Assis


 Mesorregião de Assis

Mesorregião de Assis






Mesorregião de Assis



Microrregiões

Municípios

Assis Assis, Bernardino de Campos, Borá, Campos Novos Paulista, Cândido Mota, Canitar, Chavantes, Cruzália, Espírito Santo do Turvo, Fartura, Florínea, Ibirarema, Iepê, Ipaussu, Lutécia, Manduri, Maracaí, Nantes.
Ourinhos Óleo, Ourinhos, Palmital, Paraguaçu Paulista, Pedrinhas Paulista, Piraju, Platina, Quatá, Ribeirão do Sul, Salto Grande, Santa Cruz do Rio Pardo, São Pedro do Turvo, Sarutaiá, Taguaí, Tarumã, Tejupá, Timburi.





Município de Chavantes.


 Município de Chavantes.

Município de Chavantes.






Mesorregião de Itapetininga


É formada por 36 municípios agrupados em quatro microrregiões: Capão Bonito, Itapetininga, Itapeva e Tatuí. Os bandeirantes foram os primeiros a transitarem por essas áreas.

A economia da região é diversificada, com agricultura, comércio e indústrias. O município de Itapetininga cultiva batata, hortifrutícolas e cana para o álcool. Também faz parte da economia local o reflorestamento de pínus para produção de lenha e madeiramento. Em Tatuí, destaca-se avicultura, comércio e indústrias.

A mesorregião é bem servida pela estrutura viária, com a SP-127, a Rodovia Mercosul e estradas secundárias que fazem ligação com a Rodovia Castelo Branco. Também é interligada à malha ferroviária que vai até o porto de Santos.


Mesorregião de Itapetininga


 Mesorregião de Itapetininga

Mesorregião de Itapetininga






Mesorregião de Itapetininga



Microrregiões

Municípios

Capão Bonito Apiaí, Barra do Chapéu, Capão Bonito, Guapiara, Iporanga, Itaóca, Itapirapuã Paulista, Ribeira, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande.
Itapetininga Alambari, Angatuba, Campina do Monte Alegre, Guareí, Itapetininga.
Itapeva Barão de Antonina, Bom Sucesso de Itararé, Buri, Coronel Macedo, Itaberá, Itapeva, Itaporanga, Itararé, Nova Campina, Riversul, Taquarituba, Taquarivaí.
Tatuí Boituva, Cerquilho, Cesário Lange, Laranjal Paulista, Pereiras, Porangaba, Quadra, Tatuí, Torre de Pedra.





Mesorregião Macrometropolitana Paulista


Os 36 municípios que compõem esta mesorregião estão agrupados em quatro microrregiões: Sorocaba, Piedade, Jundiaí e Bragança Paulista.

A ocupação e o povoamento de Sorocaba iniciaram no século XVIII com os tropeiros que fizeram desta localidade um entreposto comercial de muares vindos do sul. Era uma feira em que se comercializavam os animais que iam para as regiões mineradoras e, assim, surgiu nesta paragem a Vila Tropeira de Sorocaba, atual Sorocaba.

Após este ciclo econômico, passou-se a cultivar o café, e com a cultura cafeeira veio a Estrada de Ferro Sorocabana para a circulação de pessoas e, principalmente, escoamento da produção cafeeira da região até o porto de Santos.

Com a crise do café na década de 1920, foram introduzidas as culturas de cana e algodão, e para processar estes produtos surgiram as usinas de álcool e as indústrias têxteis. A região também é importante produtor de hortifrutigranjeiros e leite.

A construção de importantes rodovias na década de 1970, como Anhanguera, Bandeirantes, Castelo Branco e Raposo Tavares, proporcionou um novo espaço de concentração industrial, populacional e tecnológico que recebeu a denominação de Macro (grande) metropolitana Paulista.


Mesorregião Macrometropolitana Paulista


 Mesorregião Macrometropolitana Paulista

Mesorregião Macrometropolitana Paulista






Mesorregião Macrometropolitana Paulista



Microrregiões

Municípios

Bragança Paulista Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Itatiba, Jarinu, Joanópolis, Morungaba, Nazaré Paulista, Piracaia, Tuiuti, Vargem.
Jundiaí Campo Limpo Paulista, Itupeva, Jundiaí, Louveira, Várzea Paulista.
Piedade Ibiúna, Piedade, Pilar do Sul, São Miguel Arcanjo, Tapiraí.
Sorocaba Alumínio, Araçariguama, Araçoiaba da Serra, Cabreúva, Capela do Alto, Iperó, Itu, Mairinque, Porto Feliz, Salto, Salto de Pirapora, São Roque, Sarapuí, Sorocaba, Votorantim.





Glossário


Região metropolitana: são as áreas mais urbanizadas e que recebem esta classificação que considera as relações entre uma cidade maior e seus municípios vizinhos.

Mesorregiões: subdivisão estabelecida pelo IBGE que agrupa diversos municípios do estado com semelhanças econômicas e sociais, de uma área geográfica.

Região: área delimitada de acordo com certos critérios que podem ser econômicos e culturais.







Conteúdo correspondente:

Juliana Francine Da Costa Silveira