MENU

Letra da Música

Sk8 do Matheus - Froid

Sk8 do Matheus - Froid

[Refrão: Froid & Rodrigo Cartier]
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel

[Verso 1: Froid]
E eu passei a vida toda fascinado com o céu
Passei a adolescência indignado com deus
Minha mãe me disse: "não", ela só disse, entendeu?
Não importa, eu só queria um skate igual do Matheus
Eu pensei até em falar com o Matheus: "eu posso dar uma volta?"
Dava uma manobra, eu falo: "perdeu!"
Uma vez roubei uma coisa e doeu
Mas isso é outra história e outro amigo que não paga aluguel
Eu voltava da escola com a mãe do meu amigo Guilherme
Ela namorava com Jeff
Que era conhecido por piratear os discos de reggae
Ouvi ele chamando o Guilherme
Tocou em português o hip hop, eles chamaram de rap
Nessa hora eu tipo: "repete"
Pedi cinco reais, a tia disse: "eu só sou mãe do Guilherme"
Então levei o CD na mão leve



[Refrão: Froid & Rodrigo Cartier]
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel

[Verso 2: Froid]
Eu tinha onze anos, nem queria os doze molas
Eu já tinha três disco em três voltas da escola
Hits como Sean Paul, Eminem Show
Do Racionais meu pai grilou e quis trocar num pornô
Um dia eu comentei com meu primo
Quando eu escuto rap, eu penso tipo: "eu consigo"
Eu sei você não entende, eu não ligo
Eu sei você sente e sabe do que eu falo, eu tô falando contigo
Quando eu ouvi o 50 Cent, de carro e corrente
Eu pensei: "isso é brilhante", é
Um negro que não fez faculdade
Um sobrevivente, um ex-traficante
Aluguel é um caminhão de frustrante, bastante mudança
Mas me deu direito de mudar
Por dentro ou pra algo distante
Alguns buscam água e nós somos a fonte



[Refrão: Froid & Rodrigo Cartier]
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel

[Verso 3: Froid]
Um dia eu conheci o Henrique e ele me disse
Que a mãe dele também paga aluguel
Pensei: "essa história é triste, imagina num clipe"
Irmão se liga, anota meu cel
Montei meu próprio estúdio no quarto e
Meus manos olhavam tipo: "você tá louco", é
A minha família olhava: "Renato, olha no bolso"
Quanto mais velho, mais bobo
D'onde eu vim os cara riu, eu sempre quis um tio
Rico igual o Phill pra ganhar um Hotwheels, Max Steel
Mas minha mãe é tipo: "engole o choro e nenhum piu"
E de tanto ela negar esses cinco conto, eu juntei cinco mil
Cuidado com isso, viu, eu tinha um amigo que rodou com fino
Com o civil no Clio, preso por um fino, quanto? Meio quilo
Ficou a mãe, o filho, a mina dele teve um faniquito
Os home' descobriu só pelo assovio



[Saída: Froid]
(Assovio)
Caiquê, o Caique tá ai? Ô Caique
Caiquê!
Posso... Será que ele tá aí? Deve ter saído, né
Moleque deve ter saído pra comprar alguma coisa
Sei lá, um cigarro, um baguio pra passa o tempo




[Refrão: Froid & Rodrigo Cartier]
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel

[Verso 1: Froid]
E eu passei a vida toda fascinado com o céu
Passei a adolescência indignado com deus
Minha mãe me disse: "não", ela só disse, entendeu?
Não importa, eu só queria um skate igual do Matheus
Eu pensei até em falar com o Matheus: "eu posso dar uma volta?"
Dava uma manobra, eu falo: "perdeu!"
Uma vez roubei uma coisa e doeu
Mas isso é outra história e outro amigo que não paga aluguel
Eu voltava da escola com a mãe do meu amigo Guilherme
Ela namorava com Jeff
Que era conhecido por piratear os discos de reggae
Ouvi ele chamando o Guilherme
Tocou em português o hip hop, eles chamaram de rap
Nessa hora eu tipo: "repete"
Pedi cinco reais, a tia disse: "eu só sou mãe do Guilherme"
Então levei o CD na mão leve



[Refrão: Froid & Rodrigo Cartier]
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel

[Verso 2: Froid]
Eu tinha onze anos, nem queria os doze molas
Eu já tinha três disco em três voltas da escola
Hits como Sean Paul, Eminem Show
Do Racionais meu pai grilou e quis trocar num pornô
Um dia eu comentei com meu primo
Quando eu escuto rap, eu penso tipo: "eu consigo"
Eu sei você não entende, eu não ligo
Eu sei você sente e sabe do que eu falo, eu tô falando contigo
Quando eu ouvi o 50 Cent, de carro e corrente
Eu pensei: "isso é brilhante", é
Um negro que não fez faculdade
Um sobrevivente, um ex-traficante
Aluguel é um caminhão de frustrante, bastante mudança
Mas me deu direito de mudar
Por dentro ou pra algo distante
Alguns buscam água e nós somos a fonte

[Refrão: Froid & Rodrigo Cartier]
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel
Eu só tô aqui porque minha mãe ainda paga aluguel
Ainda paga aluguel



[Verso 3: Froid]
Um dia eu conheci o Henrique e ele me disse
Que a mãe dele também paga aluguel
Pensei: "essa história é triste, imagina num clipe"
Irmão se liga, anota meu cel
Montei meu próprio estúdio no quarto e
Meus manos olhavam tipo: "você tá louco", é
A minha família olhava: "Renato, olha no bolso"
Quanto mais velho, mais bobo
D'onde eu vim os cara riu, eu sempre quis um tio
Rico igual o Phill pra ganhar um Hotwheels, Max Steel
Mas minha mãe é tipo: "engole o choro e nenhum piu"
E de tanto ela negar esses cinco conto, eu juntei cinco mil
Cuidado com isso, viu, eu tinha um amigo que rodou com fino
Com o civil no Clio, preso por um fino, quanto? Meio quilo
Ficou a mãe, o filho, a mina dele teve um faniquito
Os home' descobriu só pelo assovio

[Saída: Froid]
(Assovio)
Caiquê, o Caique tá ai? Ô Caique
Caiquê!
Posso... Será que ele tá aí? Deve ter saído, né
Moleque deve ter saído pra comprar alguma coisa
Sei lá, um cigarro, um baguio pra passa o tempo


Mais de sanderlei.com.br

Música - Song
Em alta - Trends - Hot Videos
Tudo que rola no mundo musical, incluindo Billboard hot 100, música brasileira e muito mais.

PDF Domínio Público
Livros em PDF para Download
Lista completa de Livros em PDF para Download em Domínio Público

Just Go - Viagem Volta ao Mundo
#JustGo - Sanderlei Silveira