MENU

Letra da Música

Volveré Mayra Arguelles - Tradução em Português - Osman Vargas

Volveré Mayra Arguelles - Tradução em Português - Osman Vargas

Letra da música - Original em espanhol

Óyeme
soy tu amor
y tengo tanto que contar
hoy que siento
que ya todo va acabar

Si recuerda las promesas que
nos hicimos los dos
horizontes anhelados donde
solo había amor y hoy tan solo
son recuerdos y fantasmas
del ayer de esas noches
solitarias en que yo te desperté
a cantarte una canción,
la poesía de un trovador
que nació en lo polvoriento
del camino.

Ya se marchito esa flor,
que fue el premio, una ilusión,
que fue el símbolo
de un beso, lo querido.

Tantas cosas deje
por salvar lo que amé
por creer las palabras
en un sueño
yo que todo te di,
y que todo perdí
a otro amor ya nada
tengo que entregar

Y yo sé que no te importa
ver que todo va a acabar,
sabes que la vida es corta
y se puede ir en dudar
óyeme pues mis palabras
éste amor quieren salvar.

Volveré
A decirte lo que
vamos a perder,
si te marchas
si te olvidas
de este ayer,

Porque sé que nuestras vidas
no son vidas si no esta
la ilusión que imaginaron
nuestras almas al amar,
ese sueño que inventaron
nuestras mentes al sentir,
ese encanto a las estrellas
cuando me aferraba a ti
yo no sé si de verdad fui yo
sola que sintió ese sueño que
has dejado en el olvido.

Yo no sé
si en este amor
fui yo sola
quien te amo,
fui yo quien
se enamoró
de un espejismo.

Tanto fue mi dolor
que hoy me da miedo amar
y no quiero volver
a enamorarme
yo no sé quién será
quien me va a preguntar
que porque no creo
ya en el amor

Y yo sé que no te importa
ver que todo va a acabar,
piensa que la vida es corta
y se puede ir en dudar,
óyeme pues mis palabras
este amor quieren salvar

Ay ay ay amor
ay ay ay amor
y yo sé que no te importa
ver que todo va acabar,
piensa que la vida es corta
y se puede ir en dudar,
volveré pues mis palabras
este amor quieren salvar

Volveré Mayra Arguelles - Tradução em Português - Osman Vargas

me ouvir
sou teu amor
e eu tenho muito a dizer
Hoje me sinto
que tudo vai acabar

Se você se lembrar as promessas
Fizemos duas
horizontes onde acarinhados
havia apenas amor e hoje apenas
Eles são memórias e fantasmas
a última dessas noites
sozinha quando eu acordei
cantar uma canção,
uma poesia trovadoresca
que ela nasceu em empoeirado
o caminho.

E essa flor está murcha,
que foi o prémio, uma ilusão,
que era o símbolo
um beijo, querida.

Tantas coisas sair
para salvar o que eu amava
acreditando que as palavras
em um sonho
Eu te dei tudo,
e eu perdi tudo
outro amor nada
Eu tenho que entregar

E eu sei que você não se importa
ver tudo vai acabar,
Você sabe que a vida é curta
e você pode ir em dúvida
me ouvir minhas palavras
este amor deseja salvar.

eu vou
Diga-lhe que
vamos perder,
se você deixar
se você esquecer
Este ontem,

Porque eu sei que nossas vidas
Eles não são vida, se não
a ilusão de que eles imaginavam
nossas almas por amar,
esse sonho eles inventaram
nossas mentes para sentir,
esse encanto das estrelas
quando eu me agarrei a você
Eu realmente não sei se era eu
aquele que sentiu que o sonho
Você deixou esquecido.

Eu não sei
se este amor
Eu estava sozinho
que eu te amo,
Fui eu quem
se apaixonou
uma miragem.

Então foi a minha dor
hoje assusta-me amor
e eu não quero voltar
apaixonar
Eu não sei quem será
quem vai me perguntar
porque eu não acho que
e no amor

E eu sei que você não se importa
ver tudo vai acabar,
Ele acha que a vida é curta
e você pode ir em dúvida,
me ouvir minhas palavras
este amor deseja salvar

Ay ay ay amor
ay ay ay amor
e eu sei que você não se importa
ver que tudo vai acabar,
Ele acha que a vida é curta
e você pode ir em dúvida,
Eu voltarei minhas palavras
este amor deseja salvar


Mais de sanderlei.com.br

Letras de Músicas - Letra da Música
Em alta - Trends - Hot Videos
Tudo que rola no mundo musical, incluindo Billboard hot 100, música brasileira e muito mais.

PDF Domínio Público
Livros em PDF para Download
Lista completa de Livros em PDF para Download em Domínio Público

Poemas - Poesia
Amor é fogo que arde sem se ver
Amor é fogo que arde sem se ver, poesia de Luís Vaz de Camões

Just Go - Viagem Volta ao Mundo
#JustGo - Sanderlei Silveira

História Resumo
História em 1 Minuto
Cronologia do Universo | Cronologia da Terra | Pré-História | Idade Antiga | Idade das Religiões